-voltar-

História da Paróquia São João Batista

A paróquia São João Batista, de Arvorezinha, localiza-se na região alta do Vale do Taquari e é a última paróquia na parte norte da Diocese. Pertence à Comarca Eclesiástica de Arvorezinha.
Os primitivos habitantes desta região foram os índios Kaigangs. Pouco antes de 1900 começaram a chegar os primeiros açorianos que desbravaram a região. Eram eles: Francisco Floriano e João L. Ferreira. Entre 1900 e 1910 a história de Arvorezinha marca a vinda dos descendentes de italianos. Os primeiros foram: João F. Filho, Berto Berton, Luis Broetto, Severino Puppia, Antônio de Bôrtoli e Francesco Somensi, trazendo consigo suas famílias e bens.
A primeira capelinha foi construída em 1911 e era lá que os padres de Encantado rezavam a Santa Missa. 
Inicialmente este lugarejo era chamado “Alto da Figueira”. Em 1922, devido ao seu rápido crescimento, foi elevado à categoria de 6° distrito do município de Encantado.
Com a criação da paróquia de Itapuca, em 1924, passou a ser atendido pelos padres de lá. Não satisfeitos com a assistência espiritual que recebiam, no ano de 1929, os moradores começaram a reivindicar a criação de uma paróquia em “Alto da Figueira”. Em 1936 já conseguiam preencher todos os requisitos preestabelecidos para que se pudesse criar uma paróquia: Matriz e casa paroquial em boas condições, terreno para a Matriz, indumentárias, etc. Finalmente, percebendo a possibilidade e a necessidade da criação da paróquia, Dom João Becker, então arcebispo de Porto Alegre, decidiu fazê-lo em 19/3/1937. 
Em 1938 o nome “Alto da Figueira” foi alterado oficialmente para “Figueira”, o que não perdurou por muito tempo, já que o governo, querendo acabar com os nomes de lugar iguais, exigiu que os moradores procurassem outro nome. Como não havia consenso, alguém teve a ideia de colocar o nome de Arvorezinha, pois na frente da Igreja Matriz havia uma figueirinha recém-plantada.
No dia 22 de março de 1937 foi empossado o primeiro pároco, o Pe. Pedro Faustino Picolli, que permaneceu até 21 de janeiro de 1945.
Com a vinda do primeiro pároco, logo iniciaram os trabalhos pastorais: administração dos sacramentos, celebrações, formação de grupos, devoção a Maria e ao Sagrado Coração de Jesus, bênçãos de casas, movimento da Juventude Católica, etc.
Em princípio de maio de 1938 iniciaram os trabalhos de escavação e condução das pedras para servirem de alicerce da casa paroquial. E a inauguração da casa paroquial aconteceu no dia 23 de outubro de 1938.
Pe. Picolli esteve à frente das obras da nova igreja Matriz: “No dia de Santa Rosa de Lima (23/08/1942) foi colocada a primeira pedra da futura igreja Matriz desta Paróquia, sendo que os alicerces ficaram terminados no dia 04 de outubro, sendo neste dia benta a pedra fundamental com a presença de grande número de paroquianos” (Livro Tombo nº 01 – página 14). 
Até a nova igreja ficar pronta, as missas eram celebradas em uma sala do Grupo Escolar ou em alguma capela da Paróquia. “No dia 16 de setembro de 1945 foi celebrada a última missa na igreja matriz antiga, que no dia seguinte foi demolida” (Livro Tombo nº 01, página 20v). “No dia 18 de novembro de 1945 foi dada a bênção solene da nova matriz apesar de não estar pronta, mas a necessidade de ter um recinto próprio para a celebração dos ofícios nos abrigou a isso. Houve missa cantada após a bênção. À tarde o povo se reuniu  debaixo do arvoredo em animada festa popular” (Livro Tombo nº 01, página 21).
Em dezembro de 1974 tiveram início as obras de construção do Ginásio de Esportes. No dia 20 de janeiro de 1975 foi executada a venda do velho salão paroquial e o valor foi todo aplicado na compra de material para o Ginásio de Esportes.

São João Batista
Arvorezinha

Comarca Eclesiástica: Arvorezinha 
Município: Arvorezinha/RS 
Padroeiro: São João Batista 
Fundação: 1937 
Pároco: Pe. Paulo Hoffmann 
Vigário Paroquial: Pe. Rafael Stein
População: 10.225 habitantes (IBGE 2010) 
População Católica: 9.736 habitantes (IBGE 2010)

HORÁRIO DAS MISSAS